Arthur

Imagem de Fanpop

Bonjour, mon ami!
Essa música encantou o meu coração desde a primeira vez que a escutei. Foi quando eu tinha entre 8 e 9 anos, época em que o desenho Arthur era transmitido pela TV Cultura na hora do almoço. Eu comecei a assistir ao desenho por conta de um clipe musical dele em que os personagens brincavam com a história do Médico e o Monstro (um dos meus livros favoritos do mundo inteiro). Daí pra frente, Arthur foi me conquistando com suas histórias divertidas e com a sua música de abertura com letra especial...
Quer lê-la?
Arthur
Cada dia em que se anda por aí
Cada um que a gente vê
Tem algo original pra dizer
Eu digo: Hey! Tá na hora de perceber
O lindo dia que vai nascer
E se aceitar e conviver
Deixa que venha a emoção
Tudo o que sentir
No ritmo das ruas
Agora e aqui
Abra bem os olhos e o coração
Vamos juntos viver melhor
Sem brigas nem guerras
O recado é simples,
Porque vem do coração,
Confio em você
Pra tudo começar...

Depois, o refrão é repetido até que o Arthur diz pra sua irmãzinha: "Oi, DW" e cai. Então o desenho começa!
Eu queria compartilhar com vocês essa música que eu sempre achei uma pérola preciosa, porque ela fala de muitas coisas boas, como amor próprio, paz, perceber e valorizar os dias da nossa vida... Ou seja, mais uma vez, os desenhos trazem valores positivos para nós.
Gostou da musica, petit?
Beijos açucarados.

Comentários

  1. Até procurei a música no youtube. Esses desenhos que nos dão esperança de mundo, são tudo de bom né? ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, miss Mafê! Que legal você conhecer Arthur também <3
      Eu adoro o universo infantil justamente por eles aquecerem os nossos corações e nos fortalecerem como pessoas a sermos melhores.
      Beijos açucarados.

      Excluir
  2. Já até cantei no ritmo rsrs,eu assistia muito na Cultura,às vezes não godtava de um ou outro episódio,mas no geral era ótimo :D
    Beijos ^.^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, miss Jenny :3
      Obrigada pelo comentários, beijos açucarados.

      Excluir
  3. Que fofo, Bru! Esse desenho não fez parte da minha infância, então adorei descobrir a música agora. Achei uma graça a letra, tão singelo e verdadeiro. Muito lindo :)

    Abraços ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Mel, a graça dessa música está em sua inocência, mas incrivelmente impactante para os ouvidos adultos. Adoraria saber quais foram os desenhos que fizeram parte de sua infância, pois nós temos apenas dois anos de diferença!
      Estou me sentindo velha, haha.
      Beijos açucarados.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas